E-mail marketing: segmentar é preciso

E-mail-marketing-2

A segmentação é uma técnica bastante simples, mas que ainda precisa ser mais estudada pelas empresas que enviam e-mail marketing. Esta importante ferramenta de comunicação dependerá, cada vez mais, da correta divisão ou agrupamento em listas específicas, onde os usuários serão divididos de acordo com comportamentos comuns e até mesmo de acordo com o seu perfil de navegação.

Sabemos que o e-mail marketing está evoluindo e que as estratégias de envio focadas na segmentação comportamentaltornam esta ferramenta imbatível quando utilizada de forma criteriosa e inteligente. Assim, amelhor forma de prever comportamentos dos clientes reside em observar os comportamentos passados a fim de antecipar os anseios futuros. Muitas vezes o usuário não está a par de lançamentos que gostaria de adquirir – avisá-lo de uma pré-venda é sempre bastante amigável.

Além de subdividir os contatos dos clientes de acordo com interesses ou características específicas, tais como idade, sexo, estado, histórico e até mesmo a utilização de termos regionais, é importante ficar atento aos chamados filtros, que irão segmentar a lista final de destinatários. Conhecer seu público alvo e oferecer conteúdos relevantes é determinante para o sucesso de suas ações.

Um estudo realizado no segundo semestre de 2012 pelo departamento de marketing da Santa Clara University, na Califórnia, comprova que as chances de conversão do e-mail marketing são até três vezes maiores entre consumidores que recebem em sua caixa de entrada promoções que acreditam ser selecionadas e exclusivas. Chamar o seu cliente pelo nome, conhecer o seu padrão de compras e entrar em contado após um longo período sem interação contribuem para reforçar a auto-estima do público-alvo e modificar relacionamentos.

O levantamento também apontou que algumas condutas devem ser reforçadas, como ter em mente que o assunto ou osubjecté crucial para convencer oprospectde que a mensagem vale a pena. Então, para não desperdiçar o seu tempo enviando e-mails que não serão abertos e otimizar o trabalho do usuário, evitando a exclusão imediata de suas campanhas, conheça algumas palavras que precisam ser riscadasdo seu repertório.

Alguns exemplos:kg; perca peso; agora; a partir de; você; R$; grátis; frete; despachamos para todo o Brasil; curso online; aproveite nossa promoção; não perca mais tempo; trabalhe em casa; imperdível; clique aqui; ganhe dinheiro; preço limitado; consulte-nos; confira; vagas abertas; desculpe-nos pelo transtorno; não responda este e-mail.

Além de transmitirem uma impressão de impessoalidade, os termos remetem, inevitavelmente, ao temido spam. A força das palavras selecionadas tem muita importância e relação direta com aaceitação por parte dos provedores a futuras abordagens.

Um título curto, com bem menos que os 140 caracteres empregados no Twitter, também faz a diferença. A grande maioria dos serviços de e-mail gratuito disponibiliza a visualização de apenas 30 a 45 caracteres do assunto na caixa de entrada, por isso, o ideal é que o assunto tenha de 10 a 50 caracteres e que a mensagem seja transmitida de forma clara, objetiva e concatenada. Neste momento, você deve transmitir o recado e ao mesmo tempo instigar a curiosidade do usuário. Estimativas dão conta de que aproximadamente 35% dos internautas escolhem ler ou não um e-mail dependendo do interesse despertado pelo assunto.

Pensando no aspecto de fidelização, outras dicas importantes são acriação degrupos de clientes que contrataram um serviço ou compraram um produto em comum; variar assuntos sempre que possível, utilizandosubjectsdiferentes para as campanhas remetidas a cada grupo; confecção denewslettersdiferentes a cada semana, de forma que os grupos recebam a informação mais relevante possível; e assim por diante.

Portanto, não se esqueça: segmentar é preciso. Triagem de personalidade, título curioso, mensagem clara,layout criativo e pesquisa adequada para prever as necessidades dos usuários são os passos mais curtos para chegar a conversões mais elevadas. Faça o teste!

Victor Popper – CEO da All In

Página inicial

Anúncios

Comentar

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s