Qual é o seu sonho?

O tempo de hibernação do Inverno já se conclui. A Primavera insinua-se nas manhãs de sol e nas floradas. É hora do mundo e da vida entrarem em eixos mais produtivos. Hora boa para pensar, planejar ,criar estratégias e comprometer-se com elas e consigo mesmo.

Pense naquele sonho que você sonha acordado, que lhe desperta um enorme desejo, no qual você está disposto a investir tempo, dinheiro e esforços.

Um sonho do qual você não desistiria, ainda que tivesse que mover céus e montanhas para realizar!

Observe os fatos e se dará conta dos atos: toda realização magnífica tem sua raiz na mente de um sonhador.

A determinação em empreender – decisão de fazer algo significativo – tem como alicerce o desejo de ser vencedor.

É a ânsia, a chama vencedora que faz o campeão, e não o contrário. O vencedor sabe que precisa vencer para ser campeão, por isso não desiste. A ânsia de ser campeão deixa pelo caminho os desistentes, aqueles que não enxergam as derrotas como degraus para o sucesso.

É comum encontramos vencedores que dizem se identificar muito mais com as histórias de derrotas do que de vitórias. E mais, são enfáticos ao afirmar que é impossível uma grande realização sem um grande fracasso.

Qual a razão disso? Todo grande projeto tem em seu caminho grandes barreiras e superá-las nunca é tarefa fácil. Se fosse, não seria um grande projeto e já teria sido realizado.

O sonhador rejeita a mediocridade. Isso incomoda, pois, provoca mudanças.

O sonhador, aquele que idealiza, nunca se veste com o nefasto” vestidinho preto indefectível.”

Não falo sobre a mediocridade em sentido pejorativo, mas como algo mediano, vulgar,comum, sem relevo. Esta, para o sonhador é o incômodo.

O homem comum se aborrece com o incômodo da mudança, o sonhador se inflama com a mudança do incômodo. Ele ouve o que Campbell denomina O Chamado do Herói.

Todos nós nascemos com uma pequena chama que pode acender a grande fogueira, esta só depende da seca lenha das barreiras. A luz da grande fogueira é vista facilmente nos olhos do sonhador.

Sabe qual é a lição que nos ensinou Sêneca e que o sonhador tem à sua frente o tempo todo?

O filósofo ensinava: “Muitas coisas não ousamos empreender por as coisas parecerem difíceis; entretanto, são difíceis porque não ousamos empreendê-las.”

Quando tiver dúvidas lembre-se de Goethe: “Quando uma criatura humana desperta para um grande sonho e sobre ele lança toda a força de sua alma, todo o universo conspira a seu favor!”

E que tal a praticidade de Victor Hugo: “Não há nada como o sonho para criar o futuro. Utopia hoje, carne e osso amanhã.”

Biografias costumam mostrar histórias de pessoas que venceram no último minuto, quando estavam prestes a desistir.

As barreiras que estas superavam não geravam lenha suficiente para alimentar suas fogueiras, então, foram em busca de mais combustível. Em nenhuma história de sucesso encontraremos desistências, e sim, a teimosa persistência. Jornadas duplas e triplas para obter recursos de sustento e investimento na continuidade.

Canções e histórias escritas em guardanapos, protótipos preparados com sucatas em garagens, máquinas criadas com pedaços dos próprios eletrodomésticos, obras que a escassez não impediu, pois, o sonho, só o sonhador pode interromper.

O mundo se apresenta para ouvir quando crê no sonhador que diz: Eu tenho um sonho!O mundo ignora o sonhador que ouviu e não materializou!

Sonho revelado é compromisso firmado.

Ora, e quando o mundo crê no sonhador?

Ah, sim! Este o mundo imortaliza, quando realiza!

Assim assegura Khalil Gibran: “Confie nos sonhos, pois neles está o portão escondido para a eternidade.”

Para o homem comum sonho realizado é uma grande obra, para o sonhador vida vivida!

Qual é o seu sonho?

O que você tem feito para torná-lo real?

Quanto tem investido?

Quem você tem procurado? Lembre-se, sempre, de que, como diz o ditado: “Uma pessoa de sucesso é um sonhador em quem alguém acreditou.”

Para o bem de si mesmo, desperte sua imaginação e alimente seus sonhos.

Cada pequeno ser cuidado será mais criador nos país dos sonhadores!

E agora que refletimos sobre a natureza do sonho, que tal passar à ação?

Sonho sem ação não leva a lugar algum. Mas sonho transformado em ação é arma poderosa de criação.

Quer uma mãozinha? Procure sem demora um coach. Viver um processo de Coaching com PNL pode mudar sua vida.

por Ana Lúcia de Mattos Santa Isabel. Consultora empresarial especializada em coaching para profissionais.
Twitter: @OrionEmpresa

voltar…

Anúncios

Comentar

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s